3 motivos para não tomar um empréstimo

3 motivos para não tomar um empréstimo

O empréstimo muitas vezes é a saída encontrada para dar alguns passos importantes na vida. Para dar início a um empreendimento, por exemplo, uma das opções consideradas no planejamento é tomar um empréstimo para dar início às atividades. Bom, mas nós sabemos do risco que é banalizar a tomada de empréstimo. Apesar das facilidades que são oferecidas para o dinheiro em mãos, jamais caia nessa cilada por pura impulsão!

Assim como qualquer outro tipo de decisão que envolve dinheiro, tomar um empréstimo também requer planejamento. Você precisa ter segurança de que vai conseguir arcar com o pagamento das parcelas, com os juros inclusos e ainda ter espaço para lidar com algum imprevisto que surja em seu caminho.

Bom, para não complicar-se com um dinheiro que não lhe pertence, eis a seguir algumas coisas que jamais devem ser adquiridas por meio de empréstimos!

Festa de casamento

Quem não sonha em ter uma festa digna de estampar a capa de uma revista? O “sonho dourado” de várias meninas é ter uma linda cerimônia, acompanhada de uma festa memorável. Tá certo que este é um momento romântico, um enorme passo na vida e que a data mereça ser celebrada, mas é preciso ter os pés no chão para construir este momento.

Então, se a grana estiver curta, que tal tentar enxugar os gastos seguindo as dicas que já demos sobre este assunto? Faça seu sonho caber dentro do seu bolso. Seja bem realista, de que adianta você e seu noivo se comprometerem com um empréstimo para dar uma festa cheia de pompa e os dois começarem a vida de casal endividados? Lembre-se que as despesas no início do casamento costumam ser altas, tendo em vista que é preciso mobiliar uma nova casa, guardar dinheiro para a possível chegada de um bebê, entre outras despesas.

motivos para não tomar um empréstimo

Viagem de férias

Aproveitar o tempo das férias para fazer uma boa viagem é maravilhoso para repor as energias. Então se você sonha em conhecer as praias paradisíacas do Nordeste brasileiro, quer fazer compras nos Estados Unidos ou conhecer parte da Europa em um mochilão, comece a juntar dinheiro! O ideal é começar a fazer isso com pelo menos um ano de antecedência, assim você tem mais possibilidades de pagar o pacote de viagem por preços melhores ou negociar um bom desconto com a grana em mãos.

Assim como a festa de casamento, é preciso colocar os pés no chão na hora de escolher a viagem. Ainda que o passeio fique caro, tenha a certeza de que é fundamental pagar essa despesa com o seu dinheiro. Afinal, você não está fazendo um investimento. Tomar dinheiro emprestado para viajar é comprometer-se com uma dívida sem ter nenhum retorno.

Pesquise bem a rede hoteleira, hostels e passagens aéreas para reduzir os custos de sua viagem e faça uma programação mensal para juntar o dinheiro que precisa.

Mobília

Mobiliar uma casa nova para que ela fique do jeitinho que a gente sempre sonhou não é tarefa fácil. Mas nessa hora a melhor saída é ouvir aquele conselho de mãe para “dar um passo de cada vez”. Todo mundo tem a vontade de decorar a casa, comprar móveis e eletrodomésticos para que ela fique como nos catálogos de revista, só que com toques pessoais.

Bom, é claro que com determinação você pode deixar o seu cantinho com a sua cara, mas é preciso ter paciência. O que não vale é comprometer-se com um empréstimo para deixar sua casa impecável e você sem saber o que fazer para pagar a dívida. Vale até ir comprando parcelado, mas tome cuidado com o valor das parcelas para que a sua fatura não ultrapasse o valor que você pode pagar mensalmente. Faça com que o parcelamento caiba no seu bolso sem precisar cair no cheque especial ou recorrer a um empréstimo para pagar as dívidas. Isso significa começar a casa somente com itens mais básicos e ir comprando suas coisas aos poucos!

 

 

 

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close