4 passos para fazer uma mudança radical na sua vida

4 passos para fazer uma mudança radical na sua vida

Há quem acredite que sonhar com cobra possa representar perigo ou traição. Assim como existe uma outra corrente que prega que o animal em sonho representa grandes transformações na vida. Bom, independente de você acreditar em significado de sonhos ou não, uma coisa podemos apostar: tanto cobras quanto grandes transformações na vida devem lhe dar medo.

Sobre o medo de cobras nem vamos falar, é super compreensível não achar o animal muito amistoso. Mas por qual motivo costumamos ter tanto medo de mudanças? Acostumar com a rotina parece ser uma tendência do ser humano, algumas pessoas precisam mais dela do que outras. Mas assim como o excesso de instabilidade pode trazer problemas, deixar tudo sempre como está também não nos ajuda a evoluir.

As vezes o conformismo com a situação em que nos encontramos pode ser tão grande que aceitamos até mesmo coisas que não estão nos fazendo bem, já notou? Pode ser um relacionamento destrutivo, um curso de graduação que não tem nada a ver com você ou mesmo um emprego que não lhe traz satisfação pessoal e nem te faz crescer.

Você também pode gostar:
Seus gastos estão alinhados a seus valores?
Dinheiro traz felicidade, diz pesquisa
10 hábitos para uma vida mais feliz e com mais tempo para você

Se você está em um momento da vida em que percebe que uma grande mudança poderia lhe ajudar, mas não sabe ainda como sair do lugar, vamos lhe apresentar algumas dicas para ajudar neste processo de transformação.

Preste atenção em acontecimentos impactantes em sua vida

Muita gente costuma ignorar os sinais que a vida dá. Alguns acontecimentos ruins ou difíceis de lidar podem não fazer sentido enquanto estamos tentando acostumar com a situação, mas podemos tirar grandes lições ou dar passos largos na vida depois de termos encarado de frente um acontecimento desafiador. A jornalista Susannah Breslin contou em artigo para o site da Forbes como aprendeu a ter um outro olhar a respeito da vida depois de ter enfrentado uma batalha contra um câncer de mama.

A perda de uma pessoa querida, um acidente que deixa sequelas graves ou mesmo o enfrentamento de um doença difícil traz sim uma quantidade enorme de sofrimento, mas ao mesmo tempo são uma grande chacoalhada do destino para que você perceba que tudo nesta vida é frágil e efêmero. Nossa vida é realmente curta e é justamente por isso que você não deve perder tempo com aquilo que não vale a pena. O emprego não está lhe deixando feliz? Não espere até amanhã para começar a procurar outro. Pare de gastar energia reclamando do curso de faculdade que está fazendo e invista em tentar entender qual é a sua real afinidade.

grandes-mudancas

Pratique o desapego

A frase pode até parecer clichê, mas eu desafio alguém a dizer (com honestidade) que tem facilidade em desapegar-se. Criar laços é saudável, desde que haja limites. O apego excessivo pode virar um aliado do medo, que é o principal causador da paralisia de muita gente. Por medo de não acostumar com a distância da família, você deixa de aproveitar uma oportunidade de emprego em uma nova cidade, mesmo sabendo que aquele novo caminho pode lhe trazer crescimento e abrir portas no futuro. A insegurança para abandonar um emprego com estabilidade e assumir outro com um desafio completamente diferente pode te impedir de evoluir como profissional.

Quem é fã de House of Cards deve lembrar-se de um episódio em que um grupo de monges passa dias criando uma mandala perfeita com areia colorida, para no final do trabalho árduo em equipe desmanchar tudo e soltar a areia em um rio. A mensagem é clara: tudo é passageiro. O que ficam são as memórias e as experiências. Então, para treinar o desapego e acostumar a lidar com frio na barriga que envolve ter coragem para realizar grandes mudanças, comece em seu cotidiano. Desapegue-se de coisas pequenas. Doe e venda pertences que você não precisa mais. Desfaça-se de uma roupa que você gosta muito. Dê coisas com valores sentimentais a pessoas queridas com mais frequência. Procure brechas em seu cotidiano para te afastar do sentimento de posse.

Abra mão do controle

Alguns planos deixam de acontecer para que outros maiores possam ser realizados. No filme “Amores Brutos“, o diretor Alejandro González Iñárritu traz uma personagem que diz: “Se quiser fazer Deus rir, conte-lhe seus planos”. Você pode até não querer levar isso ao pé da letra e fazer um planejamento para sua vida, mas aceite a realidade de que você não está com absolutamente tudo sob controle. Existem mudanças de percurso no caminho, novidades, decepções, desafios, enfim, coisas que estavam fora do seu roteiro. Não deixe que a frustração em função de um plano que não deu certo te impeça de crescer.

Invista em si mesma

Quando dizemos isso, não estamos falando somente de investimento financeiro. Para fazer grandes mudanças na vida, é preciso ter confiança em si mesma. Então invista seu tempo em atividades que irão te acrescentar algo positivo. Procure cursos online que estejam alinhados com sua área de interesse, aprimore seus conhecimentos em uma outra língua, programe-se para fazer uma viagem, acumule experiências em culturas diferentes. Gaste sua energia para conhecer-se melhor, só assim você conseguirá descobrir o que quer.

Crédito das fotos: Shutterstock

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

Dúvidas enviadas através desse formulário não serão respondidas individualmente por e-mail.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close