5 dicas para retomar a vida depois da gravidez

5 dicas para retomar a vida depois da gravidez

Sua filha tem apresentação de ballet na escola e já deixou bem claro que quer você presente. Claro, como uma mãe orgulhosa já confirmou presença e se programou para chegar no horário. Afinal, está louca para ver a sua pequena arrasar de tutu. Só que no fim do dia, seu chefe se alongou na conversa e está no limite do horário. O que você faria nesta situação? Pediria desculpa e se retiraria ou continuava a conversa com o chefe e perderia a apresentação?

A decisão é difícil e não tem resposta certa. Cada escolha mostra as suas prioridades naquele momento – e hey! está tudo certo. Depois de casadas e com filhos, fica mais difícil escolher, porque a nossa rotina não depende mais só de nós mesmas. Afinal, estamos construindo uma família com pilares fortes. E quem não quer ser a super mãe e a super profissional, tudo junto ao mesmo tempo? Pensando no seu bem-estar, a equipe do Finanças Femininas listou 5 dicas para ajudar nessas situações:

Seja sincera. Falar a verdade e não esconder o que está passando só trarão mais alívio e praticidade no dia a dia. Então, por que ficar mentindo ou dando desculpas para os outros? Quanto mais você enfrentar todos seus problemas, melhor resolvida ficará. Não importa com que seja, se estiver na dúvida no que falar, seja sincera. Este é o melhor caminho e que dá mais segurança. Ou seja: lembre o seu chefe, quando ele esquecer, que tem filhos e compromissos fora do trabalho, sempre que considerar adequado.

Converse. Quando compartilhamos nossos sentimentos e problemas, parece que eles diminuem de proporção. O conforto de dividir ajuda no bem estar. Não acumule mágoas e rancor. Alguma coisa a incomoda ou dói? Respire fundo e se abra com quem confia. O diálogo é o melhor caminho para resolver situações. Ao acumular tudo só em você, só terá problemas futuros, seja na carreira, na relação e de saúde. Aja com a cabeça, não com o coração.

Tenha prioridades! Para realizarmos nossa vontade, temos que ter objetivos. Não é só porque casou ou teve filho que está realizada plenamente. Depois disso acontecer, o que mais pretende da vida? Quais são seus objetivos e metas? Traçando isso, os caminhos ficam mais claros e você continua com a sede de viver e as suas ambições. Lembre-se que depositar a sua felicidade no outro não é saudável. Faça por onde e fique feliz!

Tente equilibrar. Aos poucos com uma rotina pré estabelecida de casada ou de mãe, vai ser fácil encontrar o meio termo. As tarefas e obrigações parecem se encaixar e o equilíbrio virá naturalmente. Com o tempo ficará mais organizada e terá a possibilidade de curtir tudo isso. O segredo é encontrar um momento só seu. Tente fazer uma caminhada sozinha por meia hora, no banho faça uma massagem nos pés para aliviar a tensão ou ouça aquela cantora que adora num volume bem alto. Se o equilíbrio não vier tão fácil assim, peça ajuda! Maridos e família também servem para isso…

Crie momentos com cada um. Temos tantas responsabilidades que esquecemos de curtir um pouco. Por exemplo, no trajeto entre a sua casa e a escola do seu filho, puxe um assunto leve e aproveite para dar risada com ele. Antes de dormir, por mais exausta que esteja, surpreenda seu marido com um beijão. Errou alguma coisa boba? Divirta-se. Rir de algum problema alivia a tensão também.

Qual é a sua maior dificuldade?

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

Dúvidas enviadas através desse formulário não serão respondidas individualmente por e-mail.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

carolinaruhman

carolinaruhman

Fundadora e CEO do site, coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015). É também palestrante sobre finanças para mulheres e empreendedorismo feminino e palestrou no TEDxSP

close