5 maneiras de acabar com suas dívidas

5 maneiras de acabar com suas dívidas

Conta bancária sempre no vermelho, ligações insistentes do banco, o nome sujo na praça e uma verdadeira manobra para conseguir dar prioridade no pagamento das parcelas. Já sabe do que estamos falando, não é? A vida de uma mulher endividada não é nada fácil! A coisa fica ainda mais complicada quando as pendências não se resumem a apenas as despesas pessoais, mas quando comprometem também o orçamento da família.

Sair dessa situação requer muita paciência e perseverança, mas é possível! Se você está precisando encontrar meios de colocar a vida financeira no eixo novamente, eis algumas dicas que podem ajudar a encontrar a luz no fim do túnel.

Converse com a família

É bem possível que seus filhos torçam o nariz quando você disser que vai ter uma reunião em família depois do jantar. É praticamente uma unanimidade, todo mundo detesta esse momento. Enfim, goste a família ou não, o primeiro passo para as coisas começarem a mudar é conscientizar os familiares de que a fase não é das melhores e que será preciso reduzir certos gastos em casa.

Explique a situação com calma, dê a eles um panorama de como andam os gastos e qual o tamanho da dívida e discuta com eles algumas formas de reduzir as despesas. Nessa hora vale reforçar aquelas orientações para evitar o desperdício de energia elétrica, para reduzir o tempo no banho, não deixar luzes acesas sem necessidade, etc.

Não faça novas dívidas

Pelo menos por um tempo você vai precisar esquecer os cartões de crédito, o cheque especial e qualquer outro tipo de empréstimo, tendo em vista que tudo isso só fará crescer a sua bola de neve. Lembre-se dessas modalidades somente quando for pagar as parcelas que segue devendo.

Enquanto você não consegue aliviar a sua situação, o momento é realmente de contenção. Se você é uma pessoa impulsiva para gastar, evite os passeios em shoppings por um tempo, para não se expor a estímulos para gastar. Jogue fora os catálogos de roupas que receber em casa e fique um tempo sem navegar pelas lojas online.

Renegocie

Vamos lá, você tem interesse em ficar livre das dívidas e seus credores precisam receber o dinheiro. Para que todo mundo fique satisfeito nessa situação, é preciso renegociar. Converse, tente estabelecer prazos razoáveis, faça as contas para saber qual o valor máximo você consegue arcar para o parcelamento. Busque melhores condições de pagamento, com juros menores. Se o banco estiver irredutível, avalie a possibilidade de pedir a portabilidade de sua dívida.

5 formas de se livrar das dívidas

Dê prioridade às dívidas mais caras

Se queremos eliminar o problema, o ideal é fazer o serviço pesado primeiro, correto? Avalie quais são suas dívidas mais caras, quais são aquelas com maiores juros e que aumentam progressivamente (como cartão de crédito e cheque especial) e dê prioridade a esses pagamentos. Com certeza quitar essas dívidas vai dar mais trabalho, mas essa é a forma mais fácil de acabar com o problema pela raiz.

Avalie uma forma de ganhar dinheiro extra

Já que será preciso equilibrar o pagamento das dívidas e os gastos pessoais, que tal começar a bolar estratégias para ganhar uma grana a mais, pelo menos por um tempo. Se você trabalha em um emprego de meio horário, tente conciliar dois empregos. Se receber por horas extras trabalhadas (algumas empresas revertem o tempo fora do expediente em banco de horas), estenda sua permanência no trabalho para ganhar um pouco mais. Trabalhar no turno da noite por um tempo também pode ser interessante, já que você passa a receber o adicional pelo horário.

Se nenhuma dessas alternativas se aplicar ao seu caso, tente trabalhar em um projeto paralelo que lhe traga dinheiro, trabalhe como revendedora. Naquela conversa de família vale também incentivar os familiares a fazerem os mesmo e ajudarem nas despesas da casa. Quanto mais unidos e mobilizados vocês estiverem, mais rápido suas dívidas vão embora!

 

 

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close