6 ideias para economizar nas compras do material escolar

6 ideias para economizar nas compras do material escolar

Quem tem filhos costuma sentir um peso maior no bolso todo mês de janeiro. É que, além das obrigações com as contas que chegam no começo do ano, tem ainda os gastos com escola: rematrícula, uniformes e a temida lista de material escolar. Mas para quem se planeja e pesquisa, a tal lista deixa de ser assustadora para ser sinônimo de economia.

Não se pode esquecer que, apesar do ano ser novo, os efeitos da crise ainda são os mesmos e, em 2016, o planejamento deve ser ainda mais cuidadoso. De acordo com a Associação Brasileira dos Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares e Escritório (Abfiae), os preços dos artigos escolares estão até 35% mais altos neste mês de janeiro em relação ao mesmo período de 2015.

Você também vai gostar de:
Vídeo: Resoluções financeiras práticas para 2016
5 atitudes para gostar de guardar dinheiro
Por que gastar tanto com roupas que nunca usamos?

O aumento não precisa significar desfalque brusco no seu orçamento ou menos qualidade no material do seu filho. Separamos algumas estratégias que podem ajudar na economizar na hora das compras.

Aproveite e baixe nossa planilha amiga de orçamento!

1. Compre somente o necessário

Se atente à lista de materiais fornecida pela escola para não gastar mais do que deveria. Na hora das compras, atenção para a qualidade do produto além da aparência e também para não cair no apelo das ofertas de produtos que seu filho não precisaria usar em sala de aula. Analise bem a lista e questione a escola se considerar que os pedidos estão abusivos.

2. Reaproveite o material do ano passado

Desde uma mochila em boas condições a uma régua pouco utilizada… Procure no material utilizado pelo seu filho no ano passado que pode ser reaproveitado no novo ciclo. Não se esqueça de riscar da lista o que já tiver em casa.

3. Compare preços e fuja das variações

Já está mais que comprovado que fazer uma comparação de preços antes de comprar em supermercados pode garantir economia. Mas você sabia que o mesmo funcionará na hora de escolher materiais escolares?

Somente na cidade de São Paulo, o Procon indicou variação de até 420% no valor dos itens da lista escolar em diferentes estabelecimentos. O órgão avaliou a precificação de 243 produtos em 10 papelarias diferentes na capital, entre os dias 14 e 16 de dezembro. Em comparação à pesquisa do ano passado, houve um aumento médio de 6,02% nos valores.

economizar-material-escolarNada de ir apenas em uma loja por ser a mais popular ou mais perto da sua casa. Na hora de economizar, é preciso deixar a comodidade de lado.

Continue a ler a matéria na próxima página!

4. Evite os importados

De acordo com a Abfiae, o preço dos produtos importados sofrerá um acréscimo de até 30%, enquanto os que são fabricados no Brasil poderão estar 12% mais caros.

Evitar os produtos importados é uma saída para economia, mas não se acomode com a porcentagem menor de aumento para os que são fabricados no Brasil. Segmente a sua pesquisa e compare somente produtos nacionais e, entre estes, escolha as melhores opções.

5. Compre em conjunto

A parceria com os pais dos alunos na turma do seu filho pode ir além da troca de ideias e sugestões. Já pensou em formar um grupo para comprar em conjunto em lojas de atacado?

6. Não compre de vendedores ambulantes

Vai ser mais fácil esbarrar com eles nos grandes centros na época de volta as aulas. Mesmo que os preços oferecidos por eles seja mais em conta de acordo com sua pesquisa, prefira comprar em lojas mais confiáveis. Comprando de forma informal você não recebe nota fiscal e não tem garantia de certificação de qualidade e segurança nos produtos.

Caso surgir algum problema na utilização dos produtos, você não poderá fazer a troca e lá se vai seu dinheiro.

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Assine nossa newsletter e receba muito mais!

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

Dúvidas enviadas através desse formulário não serão respondidas individualmente por e-mail.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close