7 dicas para ganhar dinheiro com seu hobby

7 dicas para ganhar dinheiro com seu hobby

Um simples artesanato ou aquele instrumento que você adora tocar podem ser uma graninha extra no seu mês. A melhor parte quando fazemos o que gostamos é que ainda podemos ganhar dinheiro com isso. Mas para que seu novo negócio dê certo e você não se frustre, precisa ter tudo planejadinho. Veja o passo a passo para seu negócio decolar e você ganhar dinheiro com isso.

Decisão: Por mais que você tenha diversas habilidades profissionais que podem ser revertidas em uma renda fixa, no começo é preciso focar as suas energias naquilo que gosta muito de fazer. Por exemplo: adora matemática e adoraria ensinar para alunos com dificuldade? Ótimo, busque crianças ou adolescentes que pode oferecer algumas aulas particulares.

Pesquisa: Antes de começar os primeiros passos do seu negócio, é essencial fazer uma pesquisa de mercado. Comece pelas perguntas básicas, como: Qual é a faixa etária que quero atingir? Por quanto devo oferecer este serviço? Para garantir um retorno, quais ferramentas devo usar? Quem são meus concorrentes?

Reciclagem: Busque quais são as novidades no mercado do serviço que oferecer. Saiba o que seus concorrentes estão oferecendo e pense numa maneira diferente de oferecer o mesmo serviço. Se for boa com artesanato, por meio da internet, busque novas técnicas e produtos. Claro que com um toque de criatividade, para produzir algo mais original e atrativo para seus clientes.

Orçamento: Para começar, evite fazer financiamentos astronômicos. Por mais que acredite no seu produto e na sua capacidade, mantenha os pés no chão e faça um orçamento de acordo com seus objetivos. Para isso, você precisa saber quanto pretende lucrar no primeiro mês. Depois disso faça um balanço do rendimento e analise se vale a pena manter para mais um mês.

Organização: Sabendo qual será a sua trajetória busque a melhor forma para trilhar esse caminho e ter um bom resultado. Para tudo ser um sucesso precisa ter a organização em sincronia com seus objetivos. Venda ou apresente o seu produto de uma maneira diferente.

 

Ferramentas: Com tudo esquematizado, encontre uma forma de se inserir no mercado. A forma mais eficaz para isso é o bom e velho boca a boca. Fale pra todos sobre a sua nova atividade e distribua cartões de visita personalizados. Se ainda precisar, faça um perfil profissional nas redes sociais ou até um blog para descrever o serviço. Não esqueça de sempre passar o seu contato profissional.

Postura: Mesmo não tendo um chefe e sendo o cargo máximo da sua empresa, é essencial ter seriedade com seu negócio. Não menospreze a sua atividade ou se sinta inferior pelo que faz. Para manter a motivação, liste numa folha o que pretende conquistar com aquela atividade. Olhe sempre e leve a sério seus ideais. Em toda situação mantenha uma postura profissional.

Essa é a alma do seu negócio! O que você achou? Conte pra gente nos comentários.

Este conteúdo foi útil para você?

carolinaruhman

carolinaruhman

Fundadora e CEO do site, coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015). É também palestrante sobre finanças para mulheres e empreendedorismo feminino e palestrou no TEDxSP

close