7 motivos para reformar suas roupas em vez de comprar novas

7 motivos para reformar suas roupas em vez de comprar novas

Reformar as roupas em vez de comprar peças novas vem despontando como uma alternativa barata e sustentável para ter um guarda-roupa funcional e estar sempre bem vestida. Sim, sabemos que o conserto soa trabalhoso e que passar em uma loja para comprar uma peça nova é muito mais apelativo. No entanto, as peças baratas estão cada vez mais descartáveis. Ou seja, você pode até adquirir uma substituta, mas é provável que ela tenha problemas em um curto espaço de tempo.

Por isso, em vez de gastar mais dinheiro, por que não optar pelo reparo? Para saber se vale a pena ou não, avalie o quão danificada está a peça. Se o reparo for pequeno, faça uma visita à sua costureira ou sapateiro de confiança e aproveite os benefícios de reformar roupas usadas – ou o sapato com salto gasto e até a bolsa com fivela quebrada – que listamos a seguir.

1. Economizar

Consertar o dano de uma peça pode sair bem mais barato do que ir a uma loja e comprar uma nova. No entanto, é preciso analisar o tamanho do estrago e pedir um orçamento à costureira para avaliar se a economia vale a pena.

2. Aproveitar sua peça favorita por mais um tempo

Todo mundo tem aquela blusinha que ama e não quer se desfazer por nada. Porém, o tempo passa e deixa suas marcas. A boa notícia é que muitas delas podem ser consertadas, dando a você mais tempo para curtir sua roupa preferida.

3. Ajudar o meio ambiente

Existem muitos documentários e reportagens que expõem como a indústria da moda impacta o planeta. Para que se tenha ideia, segundo dados do Greenpeace, uma calça jeans demanda 7 mil litros d’água para ser produzida. A cada ano, são manufaturadas 80 milhões de peças, sendo que três em cada quatro delas acabarão em aterros sanitários – ou incineradas – e apenas um quarto será reciclado. Comprando menos, você também ajuda a reduzir esse impacto ambiental.

reformar-roupas-usadas

4. Melhorar o caimento

Por que não aproveitar o pequeno reparo para ajustar o caimento da peça? Você pode pedir para a costureira acinturar aquela camiseta, ou fazer uma pence na calça para que ela se ajuste melhor às suas curvas.

5. Ter uma peça novinha em folha

Essa também pode ser a chance de pedir uma reforma completa. Quer tirar as mangas daquele blazer para que ele vire um colete? Ou, quem sabe, encurtar aquela saia para encarar os dias mais quentes? Aproveite e renove o guarda-roupa!

6. Incentivar mulheres na economia criativa

Toda vez que pede um reparo para uma costureira, você está estimulando uma pequena empreendedora a continuar com seu trabalho, sustentar sua família e conquistar sua independência financeira. Ou seja, ao escolher não comprar uma peça nova, você também empodera outra mulher.

7. Explorar um novo hobby

Se você mesma decidir colocar a mão na massa, pode se descobrir uma costureira de mão cheia. Isso a ajudará não apenas a economizar como, também, a exercitar a mente e desestressar. Vale pegar inspirações no Pinterest e ver tutoriais no YouTube para fazer bonito nos reparos.

Fotos: Shutterstock

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Ana Paula de Araujo

Ana Paula de Araujo

Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

close