Aprenda a estimular seu cérebro com atividades simples

Aprenda a estimular seu cérebro com atividades simples

Pense a respeito do seu cotidiano e responda: sua rotina te agrada? A vida agitada, principalmente nos grandes centros urbanos, leva a maioria das pessoas a passar boas horas do dia agindo quase que automaticamente. No trajeto casa/trabalho, por exemplo, quão comum é a cena de pessoas com fones de ouvido ou usando a internet pelo celular dentro de ônibus e metrô? Algumas mais ousadas não deixam o aparelho de lado nem mesmo quando estão dirigindo.

Nessa agenda diária, em quais momentos você estimula seu cérebro com atividades diversificadas? Você tem o hábito de modificar alguns pontos do seu cotidiano para fazer atividades que motivam a pensar de maneiras diferentes? Se a resposta for não para as duas perguntas, não se sinta mal. Muita gente, na verdade, nem chega a pensar a respeito deste assunto e talvez também não perceba a importância disso.

Recentemente, o jornalista especializado em tecnologia Clive Thompson, autor do livro “Smarter than you think” conversou com o portal de conteúdo Business Insider e falou sobre formas de estimular a inteligência. Vale a pena tirar algum tempo para pensar sobre o assunto, afinal as novidades tecnológicas estão cada vez mais imersas em nossas vidas, muitas vezes sem a devida reflexão de como tudo isso vem ocorrendo.

Neste post trazemos algumas das dicas do jornalista e esperamos que elas sejam úteis para o progresso pessoal e profissional de todas vocês!

Fique offline mais vezes

Corte o hábito de ficar conectada 100% do tempo. O advento dos smartphones criou bolhas imaginárias em volta das pessoas. Quer coisa mais desagradável do que encontrar amigos, querer conversar, mas ser constantemente interrompida pelo apitinho do celular, avisando sobre uma nova mensagem no whatsapp ou atualização no facebook?

Pare de checar seu email a cada cinco minutos e não use a justificativa de que precisa ficar de olho em coisas relacionadas ao trabalho. Sabemos que muitas vezes é preciso mesmo um empenho além das oito horas diárias, mas cabe também a você não ficar disponível 24 horas por dia nos sete dias da semana. Estabeleça limites e use seu tempo de descanso para deixar o celular de lado.

o que te faz exercitar a mente

Diversifique as atividades

Ache tempo para fazer atividades completamente diferentes do que você está habituada na rotina. Não precisa buscar nada muito complexo, apenas faça coisas que te permitam estimular o pensamento de outras maneiras. Experimente fazer caminhadas em locais variados, se tiver alguma habilidade que sirva como hobbie (artesanato, pintura, instrumento musical, etc), procure praticar um pouco ao final do seu dia.

Fazer atividades variadas cria novos estímulos para o seu cérebro e pode te ajudar a resolver problemas que você provavelmente teria dificuldades se tentasse passando horas sentada em uma cadeira de escritório.

Não siga somente os “líderes de reflexões” ou a elite cibernética

A popularidade das redes sociais vem criando um fenômeno estranho de disseminação de ideias. A partir do momento em que surge um assunto polêmico, um grupo de pessoas sempre vai se interessar em compartilhar opiniões a respeito daquilo e, consequentemente esse ponto de vista é replicado e absorvido por grande parte das pessoas. Logo surgem os contrários e está formada a mesa redonda virtual.

A mesma “elite de pensamento” questiona e critica aqueles que falam sobre trivialidades ou simplesmente não estão interessadas em discutir os temas mais falados. Não condicione seus pensamentos ao que as outras pessoas proponham como discussão, a não ser que o assunto tratado seja realmente do seu interesse. Redes sociais são usadas para os mais diversos fins e não há necessidade de que você se adeque a um padrão. Seja natural, fale sobre o que te der vontade e não leve as opiniões alheias tão a sério.

Encontre sua paixão

Trabalhe em algo que te traga muita satisfação. Se o emprego dos sonhos não for possível por agora, encontre algo em seu tempo livre que satisfaça muito, como um esporte, uma dança ou qualquer outro hobbie. Gastar tempo em atividades que nos trazem prazer estimula a criatividade e isso reflete em nosso desempenho profissional.

Nos momentos em que estiver focada nessas atividades, deixe as redes sociais e outras distrações de lado. O objetivo é expandir o pensamento com estímulos variados.

 

E você, como exercita sua mente? 

 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

karinaalves

Karina Alves

Jornalista e editora de conteúdo do Finanças Femininas. Já trabalhou em jornais impressos, online, rádio e com produção. Tem fascínio pela junção entre economia e psicologia, procura explorar cada vez mais esse universo e busca usar esse aprendizado para ajudar as pessoas a levarem uma vida financeira mais saudável! Contato pelo karina@financasfemininas.com.br

close