Como educar os filhos para que eles cuidem do futuro

Como educar os filhos para que eles cuidem do futuro

*Post patrocinado pela Caixa Seguradora. 

O cuidado com o planejamento do futuro dos filhos não passa somente pela reserva financeira para permitir a realização de sonhos. Além deste passo, é importante que o hábito de poupar seja transmitido a eles como um dos pilares da educação.

A decisão financeira dos pais de fazer uma previdência privada para cuidar do futuro dos filhos é um passo responsável quanto à criação, mas ela ganha ainda mais força quando vem acompanhada da conscientização das crianças.

Pense bem: imagine que você aplique em previdência privada ao longo de 20 anos, visando um projeto ambicioso, como o pagamento de uma faculdade, um intercâmbio ou mesmo a compra de um imóvel para o filho. Agora imagine como seria se depois de todo esse empenho para acumular o patrimônio, seu filho resgatasse o dinheiro e o usasse de forma irresponsável e sem controle financeiro.

Acumular patrimônio em prol dos filhos sem ensiná-los a cuidar bem do dinheiro é como comprar um carro sem saber dirigi-lo. É importante que você faça essa reserva ao longo da infância e adolescência do seu filho, mas sempre com o cuidado de ensiná-lo sobre a importância daquele dinheiro.

Mais além, este pode ser o momento ideal para ensiná-lo a poupar. Assim como você tem a disciplina de separar uma quantia mensalmente para a previdência privada dele, é importante que ele faça o mesmo com o dinheiro da mesada, por exemplo, para que possa arcar com pequenas conquistas. A satisfação de comprar um brinquedo depois de ter acumulado dinheiro da mesada pode ser ainda maior do que recebê-lo de presente.

Até os dez anos, não é recomendável estimular as crianças a fazerem grandes poupanças, para além de prazos como dois ou três meses. Nesta fase, elas ainda não possuem o pensamento abstrato para compreenderem horizontes de tempo maiores. A partir dos dez anos, no entanto, você pode (e deve!) estimular o seu filho a poupar parte da mesada para objetivos maiores, como o carro ou um intercâmbio, apresentando a ele investimentos básicos, como a poupança, o CDB ou um plano de previdência.

No fim das contas, o patrimônio acumulado para seu filho é consequência da reserva feita ao longo dos anos, mas ensiná-los sobre o hábito de poupar e respeitar o dinheiro é o maior valor que tanto você quanto ele vão levar de todo esse processo.

E se você tem interesse de aprender mais a fundo como ensinar seus filhos a darem mais valor ao dinheiro, a nossa CEO, Carolina Ruhman Sandler, falará sobre o tema em palestra online da Caixa Seguradora, no dia 27 de outubro, às 19h30. A intenção é simplificar esse processo de ensino. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui. Não perca a oportunidade!

Fotos: Istock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close