O começo, meio e fim do investimento

O começo, meio e fim do investimento

A vida é marcada por três momentos: infância, adolescência e e fase adulta. A mesma coisa acontece com os investimentos. Primeiro é a empolgação de começar, depois as dúvidas de como acompanhar os rendimentos e, por último, o momento certo para resgatar.

Mesmo assim, isso não deve ser motivo para não fazer seu dinheiro render. Lembre-se que para qualquer mudança na sua vida, o start deve partir de você. Ao organizar suas finanças, separar seu dinheiro e ter interesse são sinais claros de maturidade financeira.

Uma barreira que muitas mulheres enfrentam é a diversidade nos investimento. São muitas opções, porém tem sempre um que tem a sua cara e vai atender suas necessidades. Montamos um guia sobre o processo de investir, com começo, meio e fim. Leia e e dê os seus primeiros passos.

No começo
A partir do momento que descobriu qual é o seu perfil de investidora, pode começar a investir. Mas só feche negócio quando tiver certeza. Para não ter dúvidas é importante ler todo material necessário, entender tudo, buscar opiniões e estar interessada.

Feito isso, o próximo passo é escolher qual é o investimento ideal. Procure instituições idôneas e que podem oferecer o serviço. Lembre-se que avaliar quais serão as taxas cobradas e se elas não estão abusivas. Sabendo qual é o seu objetivo final você afunila as opções e decide a ideal no seu caso.

Na hora H, leia o contrato inteiro. Qualquer dúvida que não entender, questione seu gestor e repense. Até as letrinhas pequenininhas devem serem levadas em consideração. Na verdade, as maiores ciladas estão ali. Quanto menos riscos correr, melhor para o seu rendimento. Após isso dê o start!

Meio
Começar é fácil. Depois fica aquele vazio e vem a nossa cabeça a pergunta: “o que eu faço agora?”. Por mais que esteja investindo, gaste mais algum tempo fazendo uma reserva financeira. Ela permitirá que você não mexa no investimento. Esse dinheiro deve ser usado para momentos emergenciais, como doença, arrumar alguma coisa em casas e outras.

Enquanto isso, acompanhe a economia e o rendimento das suas aplicações. Está indo bem? Tudo está saindo conforme você previa? Em casos negativos, busque opções e troque, se necessário. A economia é como um barco navegando no oceano – as vezes o mar pode estar agitado e prejudicial ou calmo e sereno, fazendo o barco andar. Não seja precipitada e aja nos momentos certo.

Se gostar de investir, porque não pensar em diversificar seus investimentos? Há uma possibilidade significativa de crescimento financeiro. Além de formar uma carteira de investimentos, ao dividir em outras aplicações você terá mais segurança para que seu dinheiro renda cada vez mais.

No entanto, não tem nenhum investimento que esteja indo bem e não possa ficar melhor ainda! Se você acha que é só aplicar um dinheiro determinado e deixar aquilo render, está enganada. Sempre que puder – de preferência mensalmente -, procure incrementar o valor do seu investimento com novas aplicações. É assim que você multiplica o seu patrimônio!

Fim
Alguns investimentos possuem prazo determinado, como títulos do governo e debêntures. Ao final de um tempo, você recebe o dinheiro que aplicou e mais os rendimentos. No entanto, quando é que é a hora de sair de um fundo de investimentos ou de uma ação?

Quando decidiu começar a investir, tinha um objetivo principal. Jamais esqueça dele ou deixe para depois. É por ele que você vai medir qual é o momento de parar ou de sossegar. São três sonhos – a curto, médio e longo prazo. Pense nos três e continue organizada!

No momento que conseguir o dinheiro necessário, pode ter chegado a hora do resgate. O valor deve ser usado para realizar seu sonho, mas não pense em deixar a aplicação totalmente – se ela estiver indo bem, não tire tudo e deixe um valor separado para continuar a render. No entanto, talvez esse seja o momento mais gostoso do investimento, porque você receberá a remuneração do seu esforço e ainda conseguirá realizar o que deseja.

Evite parar de investir, porque a ação só trará movimentação boa a sua vida. Pense nisso, realize sonhos e siga em frente.

Ficou alguma dúvida?

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

carolinaruhman

Carol Sandler

Fundadora e CEO do site, coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015). É também palestrante sobre finanças para mulheres e empreendedorismo feminino e palestrou no TEDxSP

close