Presente de Natal: um futuro bem cuidado

Presente de Natal: um futuro bem cuidado

*Post patrocinado pela Caixa Seguradora

Já imaginou em seu primeiro ano de vida ganhar um presente de Natal que o ajudasse a cuidar do seu futuro? Essa foi a ideia criativa que tiveram Rosil Camilo Ney e sua esposa, Lídia, quando decidiram presentear seus filhos, Murilo e Matheus, de apenas 10 meses, com um plano de previdência privada.

Embrulhado em papel natalino, o presente será colocado na árvore e entregue aos gêmeos como um presente de Natal do Papai Noel. “No dia, vamos simbolicamente tirar algumas fotos deles na árvore, para que fique a recordação de que no primeiro Natal que comemoram ganharam um presente para o futuro”, explica o empresário de 52 anos.

De olho na situação econômica do País, nas dúvidas quanto às políticas previdenciárias e em facilitar as escolhas dos filhos quando estiverem entrando na vida adulta, os pais idealizaram um plano de aporte inicial de R$ 4.000 e pretendem fazer depósitos mensais de R$ 400 até que os filhos completem 18 anos.

O planejamento do casal foi pensado com um objetivo principal: reunir uma quantia suficiente para possibilitar os estudos dos gêmeos, inclusive no ensino superior. “Nos preocupamos com o futuro e decidimos dar esse presente para garantir a educação deles. Queremos que eles tenham opções e possam fazer o que quiserem quando chegar o momento de escolherem suas profissões”, explica Rosil.

caixa_natal_previdencia_interna

Ainda mais desafiador para os jovens, o mercado de trabalho exige instrução e preparo. Cientes dessa condição, Rosil e Lídia, tentam aumentar o leque de opções dos filhos e contribuir com os seus sonhos. “Hoje vemos muito jovens em busca do primeiro emprego e com dificuldade para encontrá-lo. Já é difícil para quem tem estudo, mas é muito mais para quem não tem. Por isso, queremos que nossos filhos tenham uma boa educação”, justifica.

A ideia de pensar no futuro dos filhos desde cedo vem aliada ao desejo de ensiná-los durante toda a vida para aprenderem a cuidar do dinheiro, serem independentes e conquistarem os seus sonhos. “Eu e minha esposa sabemos que devemos educá-los para que tenham uma relação consciente com o dinheiro. Queremos que eles saibam poupar e deixar parte dos ganhos para amanhã.”

 

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close