Projeto Plano de Menina vai empoderar jovens de periferia

Projeto Plano de Menina vai empoderar jovens de periferia

Se o empoderamento e estímulo à independência das mulheres – nossas bandeiras aqui no Finanças Femininas – têm gerado mudanças significativas, dá para imaginar então que as novas gerações poderão representar ainda mais para a sociedade.

A partir dessa reflexão, o site Plano Feminino criou o projeto Plano de Menina, que levará informação, inspiração e empoderamento para moradoras de periferias, com idade entre 14 e 18 anos. O objetivo do projeto é incentiva-las a buscar independência e realizar sonhos. A iniciativa conta com a parceria do Finanças Femininas.

Você também pode gostar:
Vídeo: Como as marcas começaram a entender o empoderamento feminino
5 lições que minhas dívidas me deram sobre empoderamento feminino
Lego faz campanha que incentiva empoderamento feminino

Temas como autoestima, liderança feminina e empreendedorismo serão debatidos com as garotas em encontros semanais, por meio de workshops e dinâmicas educativas. A nossa CEO e uma das embaixadoras do projeto, Carolina Ruhman Sandler, será responsável pelas atividades voltadas para a educação financeira.

plano_de_menina

 

Continue a ler a matéria na próxima página!

Carolina faz parte de um banco de talentos à disposição das participantes, composto por jornalistas, sociólogas, estilistas, publicitárias, executivas e empreendedoras. Entre os nomes, estão confirmadas Alexandra Loras (consulesa da França no Brasil e ativista negra), Letícia Bahia (Revista AZMina) e Diane Lima (criadora do projeto NoBrasil), entre muitas outras.

Inicialmente, o Plano de Menina vai atuar nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, com planos de expansão para outras regiões do Brasil. Durante o primeiro semestre da ação, os encontros acontecem nas comunidades de São Paulo e na segunda parte do ano, no Rio de Janeiro.

As participantes do primeiro ciclo já estão selecionadas pelo Géledes Instituto da Mulher Negra e pela advogada e ativista Eliane Dias, parceiros do projeto. Os encontros acontecem aos sábados, a partir do dia 12 de março. No primeiro dia a conversa será sobre autoestima, com a psicóloga Priscila de Sá, a comunicóloga Carla Brandão e a contadora de histórias Marina Bastos.

O Plano Feminino começa a receber inscrições das interessadas em compor o banco de talentos do Plano de Menina a partir do dia 8 de março. As informações estarão disponíveis em breve no site do Plano Feminino.

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close