Receita para ter mais autocontrole

Receita para ter mais autocontrole

*Carolina Ruhman Sandler

Recentemente descobri um novo mantra para a minha vida e que, neste momento, cheia de boas intenções com a virada do ano, tem guiado a maioria das minhas ações: autocontrole só existe no presente.

Como assim?

Você jura que vai fechar a boca e entrar de dieta no ano novo, mas no primeiro almoço de trabalho tem que escolher: macarrão ou salada? Torta de brigadeiro ou abacaxi? Se você deixa a dieta para amanhã e vai com tudo no buffet, não tem jeito: o autocontrole saiu perdendo nesta batalha – e o sinal não é positivo para as seguintes…

Sempre existe uma desculpa, um motivo, uma justificativa (“eu adoro este restaurante”, “hoje que era o dia da feijoada”, “eu começo a malhar hoje à noite, então eu posso”, “tive uma manhã horrível e mereço comer algo gostoso”, e assim por diante). E eu não estou falando que você não pode nunca mais comer coisas gostosas e potencialmente engordativas. O meu ponto não é esse.

O ponto é que se você não começa a usar o seu autocontrole agora, neste instante, e percebe como ele pode ajudar em tantas escolhas, ele não existe. Para dizer que você tem autocontrole, você tem que coloca-lo em prática agora.

Quer exemplos? Feche o Facebook e vá olhar aquele e-mail chato do qual você anda fugindo. Matricule-se na academia e já leve o seu tênis para começar a malhar agora mesmo. Coma o que você acha que deve para ter o estilo de vida saudável que você tanto queria. E tire a noite de hoje para organizar as suas contas.

autocontrole-disciplina

Continue a ler a matéria na próxima página!

A ideia não é que você deve se tornar uma pessoa chata, toda regrada e sem um pingo de prazer na vida – longe disso. Mas sim que se existem mudanças que você quer trazer para a sua vida, a melhor hora para começar é agora. Se você sempre deixa para depois, o depois vira nunca.

Mas tome cuidado para não ir com sede demais ao pote! Autocontrole é como um músculo: quanto mais você usa, mais forte ele fica, mas se você força demais, o tiro sai pela culatra. É muito mais difícil resistir a sobremesa se você teve um dia horroroso no trabalho, lidou com um monte de chatices, fez muita ginástica de manhã e ainda brigou com o namorado: uma hora a gente cansa – e é nessa hora que você se joga no bolo e come um pacote inteiro de bolachas.

Se você quer tomar melhores decisões, não dificulte para você mesma. É como ir ao supermercado com fome: todo mundo sabe que não pode. Se você quer dar uma maneirada nas compras, não precisa tirar o fim de semana para passear no shopping (nem que seja para ir ao cinema!). É como depois daquela noite mal-dormida, quando a gente morre de vontade de comer pão e macarrão.

Quando você aprende o que funciona melhor para si, passa a evitar situações mais “perigosas” e começa a buscar construir seus sonhos com mais disciplina. E o caminho para isso, minhas amigas, é o autocontrole.

*Carolina Ruhman Sandler é a fundadora do site Finanças Femininas e coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva). Jornalista, tem 31 anos, é casada e mãe da Beatriz.

Gostou do nosso conteúdo? Então clique aqui e assine a nossa newsletter!

Fotos: Shutterstock

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

Dúvidas enviadas através desse formulário não serão respondidas individualmente por e-mail.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close