Uma dica para ter mais autocontrole que vai te surpreender

Uma dica para ter mais autocontrole que vai te surpreender

*Carolina Ruhman

Autocontrole é sempre um assunto sobre o qual penso bastante. Como garantir que não vou ceder a todas as tentações que encontro pelo caminho e consigo me manter fiel ao meu planejamento?

Além do meu #desafioseismesessemcompras, estou também de dieta. Ou seja: preciso de uma dose dupla de disciplina para não sair comprando nem comendo o que eu não devo. Mas uma amiga nutricionista me deu uma dica que eu achei muito bacana, e que pode servir também para as nossas finanças.

Você também pode gostar:
Vídeo: O que fazer para transformar sua vida profissional
Deixei de gastar R$ 40 mil depois de parar de fumar
Por que gastar tanto com roupas que nunca usamos?

Ela me sugeriu que eu estabelecesse um limite semanal (ou quinzenal) para as comidas mais gordinhas, para não ter que eliminar todas as guloseimas e eu poder permanecer na dieta por mais tempo, sem tanto sofrimento. A ideia é a seguinte: posso comer pizza uma vez por semana. Cheeseburguer (que eu AMO!), só uma vez a cada 15 dias – e sem batata-frita. Sushi? Posso toda semana, mas só 10 unidades.

Dessa forma, eu sei que não vou ter que deixar de comer o que eu adoro, mas vai ter que ser com uma frequência menor. Mas só de saber que, por exemplo, posso comer um chocolatinho (coisa pequena, tipo um Alpino) por dia, minha vida fica mais leve. Eu aprendi a esperar por esse chocolatinho diário com felicidade – e tendo assim a fugir menos da dieta no resto do dia e da semana.

dieta

 

Continue a ler a matéria na próxima página!

Com espaço para você comer o que gosta, fazer dieta fica muito mais fácil. Da mesma forma, dá para aplicar isso na nossa vida financeira.

Sabe a minha fórmula para equilibrar o orçamento do 50/30/20? A ideia é a seguinte: 50% do seu salário vai para os seus gastos essenciais (alimentação, moradia, alimentação, etc), 30% para os supérfluos e 20% para a sua poupança. Com a fórmula, você consegue separar 30% para gastos para o seu prazer: compras, jantares, lazer, viagens, etc.

Se você pegar a mesma filosofia da dieta, você separa uma verba mensal para gastar com besteiras, dentro deste 30%. Este dinheiro você pode gastar como quiser – e isso não vai afetar o seu orçamento. No fim do mês, não vai ter impacto nas suas contas – pois foi tudo planejado.

Encarar os seus gastos desta forma é bacana, pois te permite manter uma “dieta financeira” mais rígida, mas sem extremismos. É o equivalente da pizza semanal na minha dieta!

Nestes tempos difíceis, com recessão e desemprego, todo mundo vai ter que apertar o cinto um pouco. Adotar esta técnica pode te ajudar a passar por esse período sem tanto sofrimento.

*Carolina Ruhman Sandler é a fundadora do site Finanças Femininas e coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva). Jornalista, tem 31 anos, é casada e mãe da Beatriz.

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter!

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

carolinaruhman

Carol Sandler

Fundadora e CEO do site, coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015). É também palestrante sobre finanças para mulheres e empreendedorismo feminino e palestrou no TEDxSP

close