Volta às aulas: 3 lições financeiras importantes para as crianças

Volta às aulas: 3 lições financeiras importantes para as crianças

Saídas, brincadeiras, horários bagunçados… Apesar de curtas, as férias de julho podem ser suficientes para tirar muitas crianças da rotina – para o bem ou para o mal. Soltas, elas podem até se esquecer de como administrar sua preciosa mesada e tantos outros conceitos que você deu duro para colocar em suas cabecinhas. Que tal aproveitar a volta às aulas para refrescar as memórias? Reunimos três situações comuns na escola que podem ser usadas de exemplo para várias lições de educação financeira infantil.

Compra de material escolar

Se você adquiriu estes itens no começo do ano, é pouco provável que já precise repor. Mas, antes de bater o martelo, sente-se com a criança e revise tudo o que ela ainda tem, verificando suas condições de uso e se elas ainda atendem o que é proposto em sala de aula. Ela se sentirá parte ativa do processo, mais estimulada para estudar e mais consciente no quesito financeiro.

Caso seja preciso ir às compras novamente, também vale convidá-la para ajudar a elaborar a lista, comparando preços e qualidade. Uma verdadeira aula prática de planejamento!

Agora, se não precisar comprar novos materiais escolares, deixe bem claro e resista ao “mamãe, eu quero!”. Lidar com o “não” com naturalidade será fundamental para seu amadurecimento em todos os aspectos da vida. No campo financeiro, especificamente, isso será essencial para controlar impulsos consumistas futuros, já que ensinará a comprar apenas diante da real necessidade.

(Quase) tudo incluso na mesada

Para dar a real noção de o que é gerenciar um orçamento, os pais podem incluir na mesada algumas despesas pessoais da criança, como a merenda. Pesquise o preço médio das comidinhas na escola de seu filho e, a partir disso, determine o valor. Junte a isso outras necessidades de acordo com sua idade – os mais velhos, por exemplo, podem já bancar o ingresso  do cinema. Assim, a criança aprenderá a equilibrar os gastos entre refeições mais simples e baratas em alguns dias e mais elaboradas em outros. Também existe a possibilidade de levar seu próprio lanche e economizar. A partir dos 8 anos de idade, ela mesma já pode preparar sua lancheira, desde que com a supervisão de um adulto, e ter uma dose de autonomia.

Leitura complementar

Planilha de Orçamento Familiar

Planilha de Orçamento Familiar

Ver mais

 

educacao-financeira-criancas-volta-as-aulas

E nada de dar o dinheiro na mão do filhote e deixá-lo soltinho, ok? É importante acompanhar os gastos para entender se a mesada está rendendo o mês inteiro, mas sem exageros: aprender a lidar com a falta depois de gastar tudo com besteiras faz parte do processo.

Economizar para realizar sonhos

Ótimo momento para ensinar às crianças que controlar-se em pequenas coisas pode ser vital para que ela conquiste algo que deseje muito no futuro. Pode ser um intercâmbio estudantil ou uma festa de debutante – o que vale é incentivá-las a batalhar por seus objetivos. Assim, elas ficarão animadas a poupar e dar um foco para a mesada, sem desperdiçar tudo em itens supérfluos. Quer um exemplo? Todos os colegas de turma podem estar usando um tênis supercaro da marca X e seu filho não quer ficar de fora. Se ele tiver essa noção de poupar para ganhar, será mais fácil resistir à pressão social e, em vez de correr para a loja de calçados, segurar sua grana em nome de um bem maior.

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

Dúvidas enviadas através desse formulário não serão respondidas individualmente por e-mail.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Financas Femininas

Finanças Femininas

Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

close