3 passos para aprender a gostar de economizar

3 passos para aprender a gostar de economizar

Admitir que é preciso economizar dinheiro é fácil, colocar a tarefa em prática já são outros 500. Por mais que a gente saiba da responsabilidade, o apelo para gastar o dinheiro em satisfações imediatas muitas vezes pode minar projetos e sonhos de longo prazo.

Dentro da psicologia econômica, a explicação para isso é chamada de desconto hiperbólico. Experimentos já mostraram, por exemplo, que entre escolher entre ganhar R$ 500 agora ou R$ 520 daqui a uma semana, grande parte das pessoas optam pela primeira opção. Tendemos a dar mais valor para aquilo que podemos ter agora do que o que virá no futuro. Do mesmo modo, o impacto de gastos que temos que fazer agora é mais forte do que aqueles que só acontecerão futuramente.

Você também pode gostar: 
O desafio de economizar dinheiro em tempos de crise
9 fatos sobre dinheiro que gostaria de saber antes de ter saído de casa
Como meus pais me ensinaram a cuidar do meu dinheiro

Ter consciência de que existe uma comprovação científica sobre nossa tendência a ter um comportamento imediatista não significa que não sejamos capazes de nos comprometer com objetivos de longo prazo. Conhecer melhor os mecanismos da nossa mente é a chave para que nos tornemos mais vigilantes. Vale observar algumas dicas para criar motivação e ser determinada quanto a seus objetivos de longo prazo.

Continue a ler a matéria na próxima página!

Estabeleça metas

Não poupe dinheiro somente por poupar. Tire um tempo para pensar em como está a sua vida neste momento, quais os projetos está desenvolvendo agora que podem te trazer resultados a longo prazo e o que precisa ser corrigido. Faça esse balanço sobre a forma como você está conduzindo sua carreira, os investimentos que tem feito em si mesma e como você está contribuindo para o seu futuro. Dentro dessa reflexão, pense na maneira como você lida com o seu dinheiro hoje para identificar o que precisa ser mudado.

Pense em metas por prazo. Por exemplo, no próximo ano você quer fazer uma viagem internacional e começar a fazer uma especialização na sua área de formação. Daqui a cinco anos comprar um imóvel, em dez anos quer ter as bases para um patrimônio sólido na sua aposentadoria, enfim, tente imaginar o que você pretende para sua vida futuramente e estabeleça metas.

Enxergar um objetivo lá na frente é o que vai lhe dar motivação para abrir mão de satisfações momentâneas e guardar dinheiro.

jogo-dardos

Continue a ler  a matéria na próxima página!

Crie desafios para economizar

Já ouviu falar sobre gamificação? Nossa mente se interessa por jogos, e não é uma mera questão de lazer. Jogos criam engajamento. Além disso, quando você estabelece uma meta (passar de fase ou vencer um oponente) e a conquista, seu cérebro responde com a produção de dopamina. A substância é a responsável por lhe dar a sensação de prazer e te dá vontade de dar o próximo passo, seja seguir para a fase seguinte ou iniciar uma nova rodada.

Sabendo disso, pense na economia de dinheiro como se fosse um jogo. Estabeleça uma meta, por exemplo, economizar R$ 20 por semana. Coloque um painel em algum cômodo da casa, uma folha de papel fixada na geladeira, enfim, deixe de forma bem visível o seu objetivo. Ao longo da semana, vá anotando os gastos do dia a dia que você cortou para alcançar seu objetivo. Pode ser o cafezinho que deixou de tomar, uma blusa em liquidação que preferiu não comprar, enfim, o importante é registrar tudo para manter-se motivada.

Aproveite e baixe nossa planilha amiga de orçamento!

Relembre sempre suas conquistas

Essa é a parte que te ajudará a manter-se motivada para continuar economizando. A cada conquista que você tiver, faça questão de valorizar este passo e também deixe isso registrado para que você passe para a próxima fase do jogo. Se neste mês você conseguiu economizar 10% a mais do seu salário, use isso como degrau para chegar e a 15% no mês seguinte, 20% no próximo e por ai em diante, até atingir um percentual razoável para equilibrar suas despesas fixas e variáveis com o seu pé de meia para o futuro.

Fotos: Shutterstock

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

karinaalves

Karina Alves

Jornalista e editora de conteúdo do Finanças Femininas. Já trabalhou em jornais impressos, online, rádio e com produção. Tem fascínio pela junção entre economia e psicologia, procura explorar cada vez mais esse universo e busca usar esse aprendizado para ajudar as pessoas a levarem uma vida financeira mais saudável! Contato pelo karina@financasfemininas.com.br

close