5 dicas para consumir em tempos de inflação

5 dicas para consumir em tempos de inflação

A inflação no Brasil é alta e tende a subir cada vez mais. E por mais que você não entenda muito bem sobre inflação, é importante saber como ela te afeta. Todos os produtos que for comprar, o valor estará mais alto por conta da inflação que avança mês a mês. Um dado desanimador é que ao longo de 2013 inteiro a inflação tende a aumentar.

Para manter seu bolso seguro, você precisa consumir de maneira diferente em época de inflação. Lembra na década de 90 em que vivíamos a hiperinflação e nossos hábitos de consumos eram totalmente diferentes? Por exemplo, ir ao supermercado só era vantajoso ir uma vez por mês, porque os preços variavam. De tantos produtos escolhidos para o estoque do que mês que lotávamos alguns carrinhos. Desta vez, a nossa inflação não é tão alta, mas podemos tomar alguns cuidados para consumir melhor.

Uma polêmica em relação a inflação deste ano esteve relacionada ao tomate. O preço do quilo da fruta estava alto e assustador!

Nessa época é preciso ter paciência, entender o que está acontecendo e mudar a forma de comprar. Veja como consumir da maneira certa:

Liste: Antes de sair comprando, coloque todos os itens numa lista. Entre os produtos escritos, faça um balanço de quais são os mais necessários para vocês. Dispense os que não tem tanta importância assim e que podem ser deixados de lado temporariamente.

Concorrente: Faça uma rápida pesquisa e veja quais são os lugares que oferecem os melhores preços nos produtos. Em determinadas lojas, se comprovar os preços baixos dos concorrentes é possível que consiga o desconto. Além disso, se mantenha informada de quais são os produtos que estão sofrendo alta devido a inflação do mês.

Criatividade: Quando um produto estiver caro, pense em outro que pode substituir aquele. Tenha na ponta da língua qual é a porcentagem da inflação e pense racionalmente em uma substituição. Por exemplo, ao invés de molho de tomate – em época de tomates caros – faça um molho branco e bem gostoso. Para quase todos os itens existe um substituto que te fará economizar – só cuidado com as calorias!

Parcelamentos: Evite se meter em dívidas nessa época. Se tiver alguma possibilidade de pagar, a faça. Renegocie suas dívidas e faça um bom negócio. Se deixar as parcelas acumuladas e fazer novos empréstimos é possível que cobrem juros cada vez mais altos em cada parcela.

Investimentos: A poupança é uma das aplicações mais populares no Brasil. Porém em época de inflação não é um bom negócio deixar seu dinheiro render nesse investimento. Deixando seu dinheiro lá corre o risco de perder mais do que lucrar. Fique atenta e estude outras formas de investimentos e continue fazendo seu dinheiro render.

E você tem algum segredo para comprar em época de inflação?

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

carolinaruhman

Carol Sandler

Fundadora e CEO do site, coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015). É também palestrante sobre finanças para mulheres e empreendedorismo feminino e palestrou no TEDxSP

close