7 dicas para conseguir um emprego novo

7 dicas para conseguir um emprego novo

Conseguir um emprego novo fez parte das resoluções de ano novo de muita gente – pelo menos de acordo com o Google. A plataforma analisou o comportamento das buscas de 2017 e concluiu que, ano passado, as pesquisas pelo termo “emprego novo” subiram 12 vezes mais do que em 2016.

Se você está entre as pessoas que colocaram essa resolução na lista para 2018, a boa notícia é que é possível se preparar para aumentar suas chances de conseguir um emprego novo. Veja algumas dicas a seguir.

Como conseguir um emprego novo em 2018

1) Seja mais criteriosa na sua busca por vagas

Essa é a hora de ficar com o radar ligado. Cadastre-se em sites de emprego e fique atenta a vagas que aparecem em redes sociais, como o LinkedIn e em grupos de Facebook. Nessa hora, é importante ter foco: “atirar para todos os lados” pode não ser muito eficiente, visto que o mercado pede profissionais cada vez mais qualificados. Qualidade é melhor do que quantidade.

2) Procure qualificação

Ao procurar as vagas, aproveite para ver quais são as qualificações mais exigidas pelo mercado de trabalho. O tempo livre pode ser usado para fazer cursos, presenciais ou online – a última alternativa é especialmente válida para quem não pode gastar muita grana, pois é possível encontrar aulas a preços camaradas e até mesmo de graça. Veja aqui algumas opções de cursos online.

emprego-novo

3) Planeje-se

É preciso se organizar para otimizar o tempo para buscar vagas, se qualificar e ir às entrevistas – e aqui entra o planejamento. “Elabore um plano de ação que contemple o seu objetivo e pense em que formas e estratégias você vai utilizar para alcançá-lo. O tempo é igual para todos, o que faz a diferença no seu aproveitamento é a prioridade que você atribui a cada atividade”, diz o consultor do Sebrae Sérgio Dias.

4) Capriche no currículo

Ele será a primeira impressão que o recrutador terá de você, então, elabore-o com carinho. “Sugiro colocar não somente as informações sobre sua formação e empregos anteriores, mas também descrever os resultados obtidos e as lições aprendidas. Quantificar e qualificar a formação e a experiência valoriza seu currículo e a coloca em destaque para a fase da entrevista presencial”, orienta.

5) Conte com seu networking

O famoso “Quem Indica” ainda vale, e muito, na hora de conseguir uma vaga. Ao ter uma ampla rede de contatos, você também terá acesso a vagas que, muitas vezes, sequer são anunciadas. Veja aqui algumas estratégias de networking inusitadas.

6) Use as redes sociais

Ter um perfil ativo no Twitter, Instagram e até mesmo Snapchat pode ajudá-la na busca por um emprego novo. O bom e velho LinkedIn também cumpre bem seu papel de ampliar a rede de contatos e descobrir vagas com seu perfil. Clique aqui para ver dicas práticas para usar as redes sociais a seu favor.

7) Prepare-se para a entrevista

Se tudo der certo nas etapas anteriores, você será chamada para uma conversa – e esse é o seu momento de brilhar. “Mostre segurança no que fala e cite fatos relevantes e experiências vivenciadas. Também é muito apreciado quando se fala de seus objetivos e de sua visão de futuro”, aconselha. Uma pesquisa recente levantou quais são as 10 perguntas de entrevistas de emprego mais comuns, veja aqui quais são e prepare-se!

Fotos: Fotolia

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Ana Paula de Araujo

Ana Paula de Araujo

Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

close