Dividir apartamento: 5 dicas para encontrar um novo lar sem sufoco

Dividir apartamento: 5 dicas para encontrar um novo lar sem sufoco

Morar sozinha é brincadeira de gente grande. Aluguel, condomínio, água, luz, internet e tantos outros gastos fazem o custo de vida ficar lá em cima. Por isso, muitas mulheres optam por dividir um apartamento. Ao tomar essa decisão, logo começa a aventura de encontrar um lugar para ficar que esteja em boas condições, seja bem localizado e, principalmente, tenha moradores responsáveis e amigáveis. As dicas a seguir deixarão a busca mais fácil, confira!

1. Cadastre-se em sites especializados

A internet está cheia de plataformas para ajudar quem deseja dividir um apartamento. A maior parte delas pede para a interessada preencher um cadastro com suas características, incluindo se estuda, trabalha, fuma, é organizada, gosta de animais de estimação etc. Isso é de suma importância, pois imagine se alguém com perfil tranquilo acaba em uma república estudantil que vive dando festas.

O próximo passo é procurar anúncios que condigam com o que você espera de um novo lar. Eles incluem fotos e especificações, como número de quartos, banheiros e se possuem itens como internet e TV a cabo. Você pode se cadastrar em sites como o Moove In, Easyquarto e Dada Room. Considere, ainda, procurar a moradia em grupos fechados no Facebook.

2. Estabeleça um orçamento

Um dos fatores primordiais na escolha é o financeiro. Lembre-se de que você assumirá muitos gastos agora e que, apesar de serem menores do que se fosse morar sozinha, ainda são significativos. Por isso, não escolha um imóvel cujas despesas sejam maiores do que você consegue arcar, senão, acabará se enrolando e deixando seus colegas na mão.

Usar o método 50/30/20 pode ajudar. Ele consiste em dividir sua renda líquida em três partes: 50% vai para contas fixas – como alimentação, moradia, transporte, telefone, saúde, internet e outros itens considerados fundamentais para a manutenção do padrão de vida –, 30% para os supérfluos – lazer, compras, saídas, hobbies etc. – e 20% para o futuro – o que inclui investimentos, aposentadoria e a grana necessária para realizar um sonho, como fazer uma viagem. Se os gastos com a nova moradia não couberem nos 50%, procure uma alternativa mais barata.

dividir-apartamento

3. Adeque suas necessidades ao orçamento

Dependendo do quanto você terá à disposição para gastar com moradia e afins, terá que repensar itens que, até então, considera indispensáveis. Será difícil encontrar um apartamento bem localizado, com uma suíte ampla e móveis já instalados. Se o orçamento estiver apertado, faça uma lista de prioridades e guie-se por ela.

4. Faça uma pesquisa de campo

Apesar da internet facilitar a vida, algumas coisas só podem ser sentidas no tête-à-tête. Por isso, visite o apartamento quando todos os moradores estiverem e converse. Fale de suas expectativas e também de amenidades para sentir como seria o convívio com essas pessoas. Aproveite a visita para checar o imóvel de perto, conferindo se está tudo em ordem. Também vale caminhar nos arredores para observar questões como iluminação, barulho, transporte público e a presença de supermercados, farmácias e afins.

5. Resguarde-se

Depois de eleger seu futuro lar, é preciso se proteger de problemas futuros. Sejam seus novos colegas desconhecidos ou amigos, combine tudo que será dividido e outras responsabilidades referentes ao apartamento. Esclareça tudo sem medo. Vale fazer um contrato para evitar dores de cabeça.

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Ana Paula de Araujo

Ana Paula de Araujo

Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

close