Quirera: muito além de comida para galinhas

Quirera: muito além de comida para galinhas

Olá, meninas! Querem uma receita bacana para curtir um almoço em família ou uma confraternização entre amigos? O Hora da Comida traz uma ideia maravilhosa e barata!

Quem pensa que quirera (ou quirela) é aquele milho quebrado que galinha come, está redondamente enganado. O ingrediente, também conhecido como canjiquinha, está em muitos pratos de Minas Gerais e do Sul do Brasil. Na última edição do Mesa SP, uma feira que reúne profissionais da gastronomia,o bar Quintana de São Paulo, que tem pratos gaúchos no cardápio, serviu quirera com carne de porco. Fez muito sucesso, com longa fila de espera.

Um dos pratos preparados pela banqueteira Mazzô França Pinto, que atua em São Paulo, para acompanhar carne de porco é o cuscuz de milho que nada mais é do que a quirera muito bem temperadinha. Durante uma aula de comida brasileira na Escola Wilma Kovesi, Mazzô disse que chama o prato de cuscuz de milho para vencer a resistência da clientela que não aceitaria a ideia de servir quirera em festas. Mas, ela como boa mineira, adora uma canjiquinha.

Em Minas Gerais, a costelinha com quirera é um clássico. Mas, no Sul do País, o milho quebradinho também é muito apreciado. O chef Márcio Assad, do Hotel Tropeiro, da histórica cidade da Lapa (PR), prepara a Quirerinha Lapeana que leva carne de porco – marcas da cultura dos tropeiros que faz parte da história da região.  A receita é uma ótima opção para eventos em que temos muito convidados e precisamos de um prato único, mas substancioso. Além de tudo, o preço da canjiquinha é quase nada, o que é um argumento bem forte…

Quirerinha Lapeana

Ingredientes:

1,5 kg de carne de porco (suã e costelinha defumada)

3 unidades de cebola médio picada

500 g de quirera de milho (branca ou amarela)

3 dentes de alho

Manjerona (a gosto)

1 pitada de cominho

Salsinha (a gosto)

Cebolinha picada (a gosto)

Sal e Pimenta

Preparo:

Frite as carnes em panela de ferro até dourar. Acrescente o alho e a cebola e deixe dourar.

Coloque água aos poucos e cozinhe até as carnes ficarem bem macias. Acrescente a quirera.

Cozinhe em fogo brando mexendo continuamente. Tempere com sal, pimenta, manjerona e cominho. Vai estar no ponto quando a quirera cozinhar (adquirir consistência firme, porém úmida).

Coloque, então, a salsinha e a cebolinha. Sirva bem quente.

 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Rita Tavares

Rita Tavares

Hora da comida

close