Sujei meu nome com um cheque sem fundos, como resolver?

Sujei meu nome com um cheque sem fundos, como resolver?

Assim como o cartão de crédito, o talão de cheques pode ser bem útil para facilitar operações comerciais e compras à prazo. No entanto, se não houver uma rígida disciplina para observar a organização do seu orçamento, alguns problemas podem surgir no caminho.

Se você passou pela situação de ter um cheque devolvido e não sabe ainda como resolver essa pendência, hoje nós trazemos uma breve explicação do que você precisa fazer para regularizar a pendência. Um cheque é devolvido quando a pessoa que o recebe tenta compensá-lo, mas não há dinheiro na conta bancária do emitente.

Quando isso acontece, o banco insere o nome da pessoa que emitiu o cheque sem valor no Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundos (CCF) e no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Para conseguir limpar o nome é preciso seguir alguns passos.

Dados do cheque

A primeira providência a ser tomada é ligar para o banco e colher as informações do cheque que foi devolvido. Anote o número, o valor e a data do cheque. Em seguida, compare com as informações anotadas em seu canhoto.

Onde está o cheque?

Com essas informações em mãos, é hora de encontrar a pessoa que recebeu o cheque. O ideal agora é manter uma postura amigável, ser transparente com a pessoa e desculpar-se pelo contratempo. É importante agir dessa forma para não ficar com uma imagem ruim com a pessoa que recebeu o cheque, principalmente se for alguém com quem você tenha uma parceria comercial, um cliente, etc. Pague o valor do cheque para que você possa recuperá-lo.

recupere seu cheque sem fundo

 

Cuidando da papelada

Agora é hora de cuidar da parte mais burocrática, mas não há segredo, o processo é bem simples. Depois de ter recuperado o documento, é preciso que você redija uma carta informando que quitou a pendência e anexe o cheque. Encaminhe os papeis ao banco e pague a taxa exigida para regularizar a situação do cheque. O valor cobrado vai variar de acordo com cada instituição financeira.

Feito tudo isso, cabe ao banco retirar seu nome do CCF e SPC. Fique de olho, pois o prazo para deixar tudo em ordem normalmente é de cinco dias úteis.

Evite a dor de cabeça

Como você percebeu, o procedimento para regularizar a situação de um cheque devolvido pode ser feito por qualquer pessoa, mas é bem chatinho. Como dissemos logo no início do texto, se você usa o talão de cheques para facilitar sua vida, é preciso que seja bem organizada com seu orçamento, que tenha o controle exato de tudo que entra e sai da sua conta bancária todo mês.

É a única forma de você prevenir-se e evitar que um cheque seja compensado em um dia vermelho em sua conta. Se acontecer algum imprevisto e você souber que não terá dinheiro em conta na data em que um cheque seu será compensado, entre em contato com a pessoa que o recebeu e negocie para que ela espere alguns dias antes de entrar com o cheque. Assim você ganha um fôlego para cobrir a conta e evita todo o trabalho de regularização do documento.

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

karinaalves

Karina Alves

Jornalista e editora de conteúdo do Finanças Femininas. Já trabalhou em jornais impressos, online, rádio e com produção. Tem fascínio pela junção entre economia e psicologia, procura explorar cada vez mais esse universo e busca usar esse aprendizado para ajudar as pessoas a levarem uma vida financeira mais saudável! Contato pelo karina@financasfemininas.com.br

close