Vale a pena ter casa na praia?

Vale a pena ter casa na praia?

“Oi gente, sou leitora do Finanças Femininas e tenho uma dúvida: vale a pena ter casa na praia? Tenho filhos pequenos e sinto falta de poder oferecer um pouquinho de natureza para eles. No mês de julho os valores dos imóveis no litoral costumam ser mais baratos. Antes de decidir, gostaria de pedir a opinião de vocês. E aí, o que acham?”, perguntou Liliana, de 39 anos.

Que delicada a sua situação, Liliana. Ficamos orgulhosas em poder participar de uma decisão tão especial assim! Pensamos em algumas perguntas para você fazer antes de fechar o negócio. Lembre-se que é bom fazer uma boa pesquisa e conhecer o imóvel antes de comprar. Então, preste atenção:

Qual é o seu sonho?
Comprar um segundo imóvel não é tarefa fácil de se fazer, portanto antes de comprar pense bem. Tenha certeza do que quer e de quanto vai de fato aproveitar. Além de você, a sua família tem papel importante na escolha. Não adianta nada só você querer, se todos não gostarem do lugar.

Ter um imóvel ou ficar numa pousada?
Segundo um estudo que o professor de finanças da FGV Carlos Alberto Di Agustini fez para Uol Notícias, compensa ter uma casa, desde que você vá 180 dias do ano. Isso é igual a todos os finais de semana do ano somados com períodos de férias. Quantas vezes por ano você tem disponível para viajar? Qual é o seu pique para encarar estrada e fazer as malas todos os finais de semana. Dependendo da sua resposta pode ser que não compense fazer este investimento. Tem que querer muito!

Sabe qual é a situação climática do local?
O lugar pode ser muito bonito e seja seu amor na terra, mas lembre-se que o clima está mudando e pode prejudicar o seu imóvel. O ideal é que antes de comprar, você saiba a história, as previsões para o lugar e como se comporta quando está por ali. Além disso, confirme se ali há problemas com o solo ou até riscos de acontecer desastres naturais.

Qual é a distância do novo imóvel e de sua residência?
Vamos supor: você adora frequentar as praias no Nordeste do Brasil. Descobriu um apartamento lindo e está pensando em comprar. Mas espera aí: você tem dinheiro para ir e voltar sempre do lugar? Então, o ideal é que você tenha certa proximidade de casa ou então dinheiro para bancar a ida e a volta.

Já fez a avaliação do imóvel na praia?
Dependendo das condições do apartamento ou da casa, não vale nem a pena fechar o negócio. Antes de tudo, coloque no papel quanto gastará. Liste a parcela que pagará, o valor do condomínio, quanto custa a mobília… tudo! Só assim você vai conseguir avaliar se o novo imóvel vale a pena.

Outra coisa absolutamente necessária é pesquisar muito. Veja outras casas, condomínios, praias e compare os preços. Se já escolheu a casa dos seus sonhos, veja quanto custam os imóveis dos vizinhos e por quanto os negócios locais andam sendo fechados. Faça uma boa inspeção na casa e inclua no preço final a manutenção – ter casa na praia dá trabalho!

Na hora que se sentir segura, aí sim! Vá em frente e feche negócio!

Já comprou um imóvel na praia ou ainda vai comprar?

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

carolinaruhman

Carol Sandler

Fundadora e CEO do site, coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015). É também palestrante sobre finanças para mulheres e empreendedorismo feminino e palestrou no TEDxSP

close