Vou morar sozinha, e agora? Os 7 maiores perrengues da vida de uma mulher adulta

Vou morar sozinha, e agora? Os 7 maiores perrengues da vida de uma mulher adulta

Leitura complementar

Planilha de gastos para quem mora sozinha

Planilha de gastos para quem mora sozinha

Ver mais

Depois de tomar a decisão de sair da casa dos pais, provavelmente, você já se pegou perguntando: “vou morar sozinha, e agora?”. Pois bem, este é o momento em que você terá que encarar alguns perrengues – mas tudo bem, porque será em nome da tão sonhada independência. Para você não ser pega desprevenida, reunimos as maiores dificuldades que uma mulher adulta pode encarar quando vai morar sozinha, confira!

1) Ir ao supermercado

Saudades de quando fazer compras se resumia a passeios no shopping, não é mesmo? E nem nos referimos apenas ao tempo que essa atividade pede, mas também à missão de encontrar os melhores preços e encaixar no orçamento tudo o que está no carrinho. Para tirar a tarefa de letra, você pode seguir algumas dessas dicas, como elaborar o cardápio da semana e, a partir dele, construir a lista de supermercado.

2) E ter que cozinhar tudo depois

vou-morar-sozinha-e-agora

“Eu fritando”

A expectativa é chegar em casa e ter comida fresquinha e saudável te esperando. A realidade é encarar o fogão ou se render à lasanha congelada (com algumas misturas improváveis do que estiver na geladeira) – e ainda ter que se preocupar com a marmita do dia seguinte. Existem algumas maneiras de comer bem sem sofrer assim, como tirar o domingo para preparar as refeições da semana inteira e congelar. A gente garante que vale a pena!

3) Pagar boletos. Muitos boletos

vou-morar-sozinha-e-agora

Ninguém contou que ser adulto é trocar a piscina de bolinhas pela piscina de boletos. Eles parecem se multiplicar por mitose e, por isso, são declarados como o maior bicho-papão por 11 a cada 10 adultos. Para dar conta, você tem uma arma: ser organizada. Ok, pode parecer difícil, mas não precisa ter medo da calculadora que a gente te ajuda: preparamos uma planilha de gastos para quem vai morar sozinha que é perfeita para se organizar sem perrengue, clique aqui e baixe!

4) Fazer tudo sozinha

vou-morar-sozinha-e-agora

Nem adianta mandar Whatsapp pedindo para sua mãe marcar médico para você, viu? Você também é responsável por comprar seus remédios, lavar suas roupas e aproveitar o sábado de sol para estendê-las, em vez de esticar o sono. A independência de verdade acontece quando você assume as rédeas da sua vida e passa a tomar decisões por conta própria.

5) Encarar a manutenção da casa

Se uma lâmpada queimar, adivinhe quem arregaçará as mangas para comprar uma nova e trocar? Sim, você mesma! Provavelmente, você não terá ninguém por perto para fazer esses pequenos consertos. Mas, em compensação, não há nada mais libertador do que ser independente o suficiente para consertar seus próprios pertences.

6) Declarar Imposto de Renda

vou-morar-sozinha-e-agora

Fazer sua própria declaração de IR é quase como ganhar um diploma de adulta. E, se você ainda não fez isso, torcemos para que sua hora chegue logo – afinal, isso será um sinal de que você está crescendo na carreira e ganhando melhor. Veja aqui como declarar o IR.

7) Manter a vida social

vou-morar-sozinha-e-agora-07

Quando éramos adolescentes, jurávamos que sairíamos quando bem entendêssemos, afinal, seríamos donas de nossos próprios narizes. Aí crescemos e vimos que ter vida social dá trabalho. Provavelmente você vai demorar seis meses para encontrar uma data na qual todos seus amigos possam sair – e, mais provavelmente ainda, estará cansada demais no dia, então, as chances de furar são altas. Força, guerreira!

Fotos: Fotolia, Reprodução, Tenor e MakeWordArt.com

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Desabafa!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande através do formulário abaixo.

O conteúdo da sua mensagem poderá ser utilizada em nossas matérias. Caso você prefira não ter o seu nome identificado, é só selecionar a opção "Mensagem Anônima".

personNome

personSobrenome

Mensagem anônimainfoSim

local_post_officeEmail:

commentMensagem: (obrigatório)

Este conteúdo foi útil para você?

Ana Paula de Araujo

Ana Paula de Araujo

Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

close